11 de dez de 2017

Uma breve resenha de She's Gotta Have It

Salve salve, negada! Tudo bem com vocês? Quem acompanha o MdN nas redes sociais viu que o assunto foi a série "She's Gotta Have It". A série é baseada no filme do diretor Spike Lee que foi lançado em 1986. Dividida em 10 capítulos, "She's Gotta Have It" conta a história de Nola Darling, uma artista residente na região do Brooklyn, em Nova York. Assisti esta série e realmente, preciso compartilhar com vocês as minhas impressões sobre essa obra de Spike Lee.

Resultado de imagem para she's gotta have it

Quem é Nola Darling?


Nola Darling é artista plástica independente, pansexual e poliamorosa. Nola vive sozinha e busca meios para se sustentar através de sua arte. A instabilidade financeira de Nola faz com que ela busque diversos trabalhos autônomos - dog walker, professora temporária de artes são alguns deles. Nola também é ativista e através da arte, faz manifestos feministas, o que eu acho mega fantástico! 

Ela busca retratar a mulher negra em suas pinturas de maneira livre de estereótipos racistas. Sabe aquela amiga que sempre nos incentiva a ser nós mesmas? Nola é esse tipo de amiga. Nola é uma mulher de princípios, cheia de regras, ideias e sonhos que fazem com que os desavisados tradicionais a chamem de louca - algo que ela já deixa bem claro no início da série que ela não é. 


Porque assistir "She's Gotta Have It"?


Diferente de outras séries, "She's Gotta Have It" não é uma obra romântica. Nola é uma mulher muito tranquila com a sua sexualidade e suas relações com Mars, Greer, Jamie e Opal. Apesar das cenas de sexo presentes nos episódios, não há dramas românticos ou sexuais. Nola não é uma personagem hipersexualizada. 

A história mostra uma mulher em busca de sucesso, de autorrealização e de muitas outras coisas que não dependem de suas relações amorosas. Outra coisa maravilhosa em "She's Gotta Have It" é a quantidade de referência aos ícones afroamericanos, além de uma forte crítica às eleições de 2016 nos Estados Unidos. 

Os episódios tem duração de 30 minutos e estão disponíveis na Netflix. Achei que algumas questões não foram abordadas com a profundidade necessária e espero que isso seja uma brecha para a segunda temporada. Ahhh, o filme que deu origem a série também está disponível na plataforma. 

E você, já assistiu "She's Gotta Have It"? Conta pra gente o que achou da série? O que pensa sobre Nola Darling? 

Até mais, negada!
AnaLu Oliveira


Nenhum comentário :

Postar um comentário